Sociedade Recreativa de Casainhos

A pouco mais de uma dúzia de quilómetros de Lisboa a pequena aldeia de Casainhos, englobada na Freguesia de Fanhões no Concelho de Loures. Gente Humilde, terra de cortadores, rodeada por campo, serras e hortas.

A Sociedade Recreativa de Casainhos fundada a 31 de janeiro de 1944, sob o nome de Sociedade de Beneficência de Casainhos, a coletividade destacava-se pelos seus bailaricos de sábado e pelo excelente conjunto musical de jazz, que rapidamente passou a atuar em vários bailes de povoações vizinhas.

Situada inicialmente numas instalações provisórias, os sócios da coletividade resolveram adquirir um terreno próprio. Com o esforço de todos e o apoio da povoação é construído e edifício atual e todas as infraestruturas envolventes.

Em finais da Década de 50, verifica-se a mudança do nome da coletividade para Sociedade Recreativa de Casaínhos, que se mantém até aos dias de hoje. Com a evolução dos tempos, os bailes foram perdendo o seu fulgor, originando o fim do grupo musical, tal como o aparecimento e consequente extinção de outras atividades como ginástica, sessões de cinema, discoteca, garraiadas, revistas, entre outras.

No entanto, algo inquietava as diversas direções que por lá passavam, bem como os seus sócios, que era a legalização do edifício. Muitos tentaram, mas faltava sempre algo para a finalização do processo. Em 2004, uma nova direção liderada pelo atual presidente Joaquim Castelo e com um corpo diretivo constituído por diretores experientes de antigas direções, aliados a um vasto grupo de jovens propõem-se em finalizar o processo de legalização e criar um conjunto de atividades, como a música, o judo, entre outras.

Com quase duas décadas de existência, o Judo da Sociedade Recreativa de Casainhos, é a atividade mais antiga da coletividade, sendo durante vários anos o único centro de formação do Concelho de Loures, tendo já nas suas fileiras alguns jovens premiados e uma vice-campeã nacional de juniores. Conta desde início com o professor Ricardo Pontes, pioneira desta modalidade na coletividade.

Foi desenvolvido um projeto que permitiu restituir a Casaínhos, uma escola de música, que mais tarde desenvolveu-se em Banda e posteriormente em Orquestra. Após várias negociações e apoios de Câmara Municipal de Loures e Junta de Freguesia de Fanhões, arrancou em agosto de 2007, a Banda da Sociedade Recreativa de Casaínhos, onde já realizou diversos eventos locais, nacionais e até internacionais, destacando-se assim as deslocações aos Açores e por duas vezes à Alemanha.

A 28 de outubro de 2012, teve lugar a primeira apresentação pública da Orquestra Ligeira da Sociedade Recreativa de Casaínhos., com um reportório de caráter ligeiro e popular, que permitisse dar resposta a outro tipo de solicitações e simultaneamente, tornar mais consistente a formação dos seus jovens músicos

Em abril de 2014, o novo maestro Diogo Spínola, tomou posse da Banda e Escola de Música bem como da Orquestra Ligeira, aceitando o desafio de fazer mais e melhor que o seu antecessor. Dá-se a entrada de novos músicos, dos mais novos aos mais séniores, no intuito de engrossar os praticantes desta arte e renovar toda uma geração.

O Presidente

Joaquim Castelo

Caros sócios e amigos da Sociedade Recreativa de Casaínhos, sediada na Freguesia de Fanhões, concelho de Loures. Actualmente com uma escola de música, banda de música, orquestra ligeira e centro de judo com a respectiva secção. A Sociedade Recreativa de Casaínhos é uma coletividade com muitos anos de existência, onde já passaram muitas pessoas que contribuíram e continuam a contribuir para esta coletividade, a elas o nosso agradecimento, pois não fazendo parte da direcção  nos têm ajudado com o seu magnifico trabalho e dedicação.

São vários os eventos realizados ao longo dos últimos anos, como o Festival da Filhós, Festival do Caracol, a Grande Noite de Fados, o Encontro de Bandas Filarmónicas e a Grande Festa Anual e recentemente a Festa da Sardinha. Todos estes eventos tiveram um enorme sucesso.

Também agradecer à Câmara Municipal de Loures e à Junta de Freguesia de Fanhões, por todo o vosso apoio que é bastante importante para a continuação do funcionamento desta coletividade.

Os tempos não são fáceis, mas a direcção da Sociedade Recreativa de Casaínhos continua empenha e em conjunto com todos, vamos continuar o excelente trabalho que se têm feito e que é reconhecido por muitos e apoiar a cultura e o desporto que é sentido nesta coletividade.

Galeria

Agenda